9 de abr de 2010

Descalça, Ana Botafogo fala em despedida

A bailarina que é símbolo da dança clássica no Brasil diz que seu tempo está terminando. Com 35 anos de carreira (29 dedicados ao balé do Teatro Municipal do Rio), Ana Botafogo ainda não marcou a despedida dos palcos, mas fala em aposentadoria. Por isso, diz querer se aventurar em novos terrenos. Neste ano, Botafogo quer continuar viajando com dois espetáculos criados com a pianista Lilian Barretto, com o show com Carlinhos de Jesus e ainda planeja criar outro trabalho clássico. Em julho dançará um "pas-de-deux" inédito do americano David Parsons. ADRIANA PAVLOVA colaboração para a Folha

Nenhum comentário:

Postar um comentário